segunda-feira, 11 de abril de 2011

Flores IV

Federico Zandomeneghi, Il mazzo di fiori (1894, Palazzo Tè, Museo Civico, Mantova).
---
«Can we conceive what humanity would be if it did not know the flowers?»
---
Maurice Maeterlinck.

5 comentários:

Presépio no Canal disse...

Oh! E lindo, Margarida! Adorei o quadro!
Realmente nao consigo imaginar a vida sem flores. Cresci rodeada por elas: na casa dos meus avos, na casa dos meus pais, e nas "minhas casas" ( ja mudei de casa quatro vezes e as plantas vieram sempre comigo). Adoro flores!
Gosto muito de comprar ramos de gerberas de varias cores, sobretudo, agora, na Primavera: e a Pascoa, e o Dia da Rainha, o Dia da Recordacao dos Mortos na Guerra, o Dia da Libertacao. Ha muitos motivos para festejar. O sol tambem e um desses motivos! Ah, e estamos na epoca do Keukenhof, o maior festival de flores do mundo!!
Bjs!!

M disse...

Que lindo! Adoro as flores também. E nao conheco este pintor! Vou pesquisar mais a respeito dele. :)

Margarida Elias disse...

Sandra: As flores são uma festa e gosto de as ver quer em casa quer na natureza. Bj!

M: Ele tem umas pinturas interessantes, vale a pena pesquisar.

ana disse...

Margarida,
As flores são para mim a beleza de um sorriso, o afecto da natureza, um afecto que não dispenso.
Isto para dizer que adorei a tela que não conhecia e liga duas harmonias perfeitas: a ingenuidade e simplicidade das crianças e das flores!
Bjs. :)

Margarida Elias disse...

Ana: tem toda a razão. Bj!